Extremo Oeste Baiano

Claudia Lessa Seg , 22/04/2019 às 15:10 | Atualizado em: 22/04/2019 às 15:16

Agentes financeiros apostam na Bahia Farm Show para fechar bons negócios



Linhas de crédito específicas para o setor do Agronecócio serão oferecidas pelos bancos Santander, Bradesco, Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Desenbahia, Banco do Brasil, Sicredi e BNDS, que estarão presentes na edição 2019 da Bahia Farm Show, entre 28 de maio e 1º de junho, no município de Luís Eduardo Magalhães. Com foco no púbico alvo da feira – o produtor rural –, os agentes financeiros afirmam que disponibilizarão produtos e serviços com taxas de juros especiais e condições elásticas de parcelamento. Em 2018, a Bahia Farm atingiu a marca histórica de R$ 1,891 bilhão em volume de negócios, conforme a assessoria do evento.

Os produtos e serviços que serão oferecidos na maior feira agrícola e de negócios do Norte e Nordeste do Brasil vão desde linhas de crédito para financiamento de máquinas, implementos, energia solar, armazenamento, correção de solo e aquisição de animais a projetos de irrigação e consórcios de veículos. A feira, na expectativa dos agentes financeiros, é um “porto seguro” para a concretização de significativo volume de negócios. Além disso, ressaltam, profissionais especializados darão apoio aos agricultores nas tomadas de decisões pelos produtos que mais se encaixam em cada perfil.

O superintendente executivo de Agronegócios do Santander Brasil, Paulo Bertolane, destaca que o banco apresentará ofertas diferenciadas e portfólio completo de linhas de crédito, além de uma equipe de especialistas na área de riscos para atender mais rápido as necessidades e dar todo o suporte ao produtor, durante o evento. “Teremos as linhas de financiamento de longo e curto prazo, como o CDC Agro, que financia máquinas, equipamentos e implementos, e o Crédito Pessoal Agro (CP Agro), linhas para projetos fotovoltaicos, para armazenagem e estocagem, Consórcio Agro e Seguros. Todos os produtos são adequados à capacidade de pagamento do produtor, ou seja, quitação semestral ou anual, de acordo com a colheita. Haverá também a isenção da comissão (flat 0%), taxa de mercado que incide sobre o valor total da compra, condição especial que concede em eventos agropecuários desde 2016.”, detalha.

Para o presidente da Desenbahia, Francisco Miranda, a Bahia Farm Show se constitui em uma grande vitrine nacional da inovação do agronegócio. “A agência está preparando uma proposta especial com as melhores condições de crédito para a Bahia Farm, com ênfase em financiamentos de projetos de irrigação, armazenagem e correção de solo, de máquinas e equipamentos, energia fotovoltaica e inovação. Com prazos estendidos às melhores taxas efetivas e financiamentos de 90% sem taxa flat. Nossa meta é superar o recorde de negócios realizado em anos anteriores, atingindo um número cada vez maior de empresários do agronegócio, além do comércio, serviços e indústria”.

Com linhas de crédito para custeio agrícola e pecuário, investimento em produção, armazenamento, industrialização e recuperação de solo, entre outras, o Sicredi participa pelo quarto ano na Bahia Farm. Para o gerente da agência de Luís Eduardo Magalhães, Giego Scholz, e o gerente regional de Desenvolvimento, Rodrigo Gonçalves, a aposta é alta no retorno esperado durante os cindo dias da feira. “Nossa expectativa é de efetivação de mais de R$ 50 milhões em negócios. As condições de pagamento ainda estão condicionadas à divulgação do Plano Safra 2019/2020 e serão definidas conforme cada linha de crédito”, revelam.

A expectativa do Bradesco, por sua vez, é superar em 20% os números do ano de 2018, com foco na ampliação da participação de mercado e no registro de um número recorde em captação de negócios. De acordo com a assessoria do Bradesco, a empresa possui a maior atuação no setor Agrícola entre os bancos privados, com aproximadamente R$ 23 bilhões em contratos vigentes.

A coordenadora geral da Bahia Farm Show, Rosi Cerrato, orienta que os agricultores esperem o período da feira para financiar máquinas e demais produtos. “Isto porque lá, além de um atendimento personalizado, eles contarão com as novidades e facilidades em negociações que os bancos presentes oferecerão. É uma excelente oportunidade de barganhar boas condições de pagamento, taxas de juros menores e mais flexíveis e, assim, consolidar melhores negócios”.